Perfil – Guliherme Rienzo

Guilherme é professor de danças de salão no Aqui Ali Dança e Cultura pela sua companhia, a Tangará Cia de Dança. Sua história com a dança vem de tempos atrás, quando o dançar ainda não era sua profissão. “A dança sempre fez parte de minha vida, em festas, curtição… o axé, as danças populares brasileiras”, conta.

Graduado em Educação Física, especializado em Fisiologia do Exercício, foi nas aulas de Teoria do Movimento com ênfase em Dança de Salão em que ele reconheceu sua vocação: “senti a verdade em atuar com a arte e dança como protagonista. Já são 6 anos de vida exclusivos ao que sempre me motivou. Hoje me considero um pesquisador de dança e movimento, encantado com a arte do corpo e do movimento. Sou especialista nas Danças de Salão e Comunicação Corporal”.

Para o professor, “a dança é a maneira mais pura e verdadeira de nos expressarmos. Os sentimentos que vem com o movimento são reflexos de nossa alma, de nosso espírito. Palavras são manipuladas pela nossa mente, o corpo não. Particularmente, as danças de salão estimulam a comunicação entre duas pessoas e quando o abraço é o condutor da mensagem, potencializa os sentimentos. O abraço é a expressão mais verdadeira do como nos aceitamos perante si mesmo e em relação ao outro. Acredito que a dança e inerente ao ser humano, sempre foi…e, principalmente, hoje em dia em que ocupamos mais tempo preocupados com exterior, a dança pode ser um meio de conectar-se consigo, um meio de autoconhecimento, verdadeiro e transformador.”

A aulas de Guilherme Rienzo, no Aqui Ali Dança e Cultura, acontecem às sextas feiras, das 19h às 20h (Forró) e das 20h às 21h (Samba Rock), na unidade Pinheiros – Rua Simão Alvares, 136, próximo ao metrô Fradique Coutinho. O esquenta ideal para começar a noite aproveitando um dos bairros mais boêmios da cidade.